Gimik
Curtiu? Recomende!

CHECKPOINT

Os 100 melhores heróis do vídeo game [Parte 10]

Por: Pauline Gonçalves

Os 100 melhores heróis do vídeo game [Parte 10]

 Estamos quase terminando o nosso artigo dos melhores heróis do mundo dos games. Tentamos escolher os mais variados tipos de heróis, até mesmo aqueles personagens que já foram vilões e conseguiram se redimir, outros continuam na vida do crime, mas que fizeram o bastante para se tornarem heróis.

Continuaremos nosso artigo dos 100 melhores heróis de todos os tempos!

 

 

#31 Simon Belmont (Castlevania)

O clã Belmont, aquele cujo legado chega a 10,000 anos de Castlevania, Belmont derrotou o Drácula mais vezes que você consegue sacudir seu chicote. Belmont tem muita responsabilidade por ser o herdeiro do famoso clã caçador de vampiros, mas Simon Belmont aceita sem questionar as responsabilidades de sua linhagem.

#30 Fox McCloud (Star Fox)

Fox é um exímio mercenário do espaço. Ele e o seu grupo derrotaram o vilão Andross e Fox salvou a galáxia em várias ocasiões.

#29 Monkey (Enslaved: Odyssey to the West)

Monkey é um dos mais trágicos exemplos de personagens solitários. Forçado a se criar sozinho no mundo selvagem de um mundo praticamente destruído. Seu primeiro encontro com a Trip, apesar de ter sido um pouco hostil no começo, transformou ele de um cara agressivo e solitário para alguém que se importa com o outro, capaz mesmo de se sacrificar pelo bem dos outros. Ele é incrivelmente confiável de uma maneira que poucos personagens nos vídeo games conseguem transmitir.

#28 Dante (Devil May Cry)

Arrogante, sarcástico e confiante. Todas essas características é do herói meio demônio. Ele vem nos seduzindo por décadas, se você for uma garota, claro.

#27 The Prince (Prince of Persia)

Nenhum personagem de tantas gerações passadas teve tanta diferença radical em seu novo reboot. Ele é charmoso e sabe correr entre paredes como ninguém.

#26 Ryu Hayabusa (Ninja Gaiden)

O Ryu parece ser um cara muito legal. Armado com a legendária espada dragão, ele corta os inimigos em pedacinhos, ele sempre está focado para salvar o mundo de algum mal.

 

 

#25 Donkey Kong (Donkey Kong Country)

 

Nem todo mundo começa como um herói. Alguns começam atirando barris nos outros e sequestrando a namorada do Mario. Mesmo assim, um grande gorila como o Donkey Kong era muito adorável para continuar sendo um vilão, e eventualmente conseguiu estreiar a sua própria série. Ele agora está mais interessado em coletar bananas e salvar o seu mundo.

#24 Jade (Beyond Good & Evil)

Armada com uma câmera e um grande bastão para bater nas coisas, Jade não é o esteriotipo de garota heroína semi nua e sexy. Ela é forte, inteligente, e acima de tudo confiável. Como uma fotojornalista, Jade arrisca sua vida para expor a corrupção dentro do governo, e quando ela não está ocupada fazendo isso, ela passa o seu tempo livre cuidando de órfãos. Não é sempre que temos uma heroína nos vídeo games com uma personalidade tão forte que não esteja usando um short ou uma mini blusa.

 

Sobre o autor:

Pauline Gonçalves

Viciada em games e tecnologia desde nova, possui diversos consoles de vídeo game de várias gerações. Atualmente trabalha com mídias sociais e marketing digital nos sites: Jogos OnlineJogos Brasil , Meninas ,Aprender Ganhar Dinheiro

Pode ser encontra no facebook para trocar idéias de games e trabalho.

VEJA MAIS

COMENTÁRIOS

2019 - Todos os direitos reservados